• PWR Marketing Digital

Como fazer meu site aparecer no Google?

Afinal, em meio a tanta disputa para aparecer nos resultados de pesquisa, como fazer meu site aparecer no Google?


Conseguir destaque no topo do maior mecanismo de busca do mundo é uma grande conquista para qualquer negócio porque é como ter uma máquina de atrair clientes nas mãos.


Contudo, é preciso aplicar um conjunto de estratégias no site para conseguir isso.


Nesse artigo, além de entender os principais motivos que podem atrapalhar o seu ranqueamento, você vai receber dicas práticas de SEO (Search Engine Optimization) otimização para motores de busca para melhorar seu posicionamento no Google.


Continue a leitura!




Por que investir em um bom ranqueamento no Google?

Com mais de 3,3 bilhões de buscas por dia, o Google é uma das melhores ferramentas para divulgar o seu negócio.


E vamos te mostrar os motivos:


Aumentar o alcance da página


Uma pesquisa da Zero Limit Web revelou que os 5 primeiros resultados orgânicos da primeira página representam 67,6% do total de cliques de uma pesquisa.


Portanto, sem um bom ranqueamento, seu site dificilmente será encontrado por seus clientes. Por isso, investir em um bom posicionamento no Google ajuda a ampliar o alcance da sua página e aumentar o reconhecimento de marca do seu negócio.


Reduzir custos com a mídia paga


Você pode aparecer no Google por tráfego:

  1. Pago: utilizando o Google Ads para criar anúncios de divulgação da sua empresa.

  2. Orgânico: otimizando o SEO das páginas para aparecer nos resultados de pesquisa orgânicos.


Ainda que você queira investir em tráfego pago para divulgar seu negócio, vale a pena trabalhar o tráfego orgânico para conseguir reduzir custos com os anúncios, pois como a otimização de SEO traz uma audiência mais qualificada, é possível aplicar melhor a verba na mídia paga e expandir os resultados.


Atrair mais clientes em potencial


Uma das grandes vantagens de fazer seu site aparecer no Google é conseguir atrair uma audiência mais qualificada. Por exemplo, quando um visitante pesquisa “melhor cadeira para home office” significa que ele já está interessado nesse produto, portanto, a possibilidade de conversão é bem maior.


Ainda que esse visitante não compre aquele produto naquele momento, ele pode virar um lead e realizar a conversão posteriormente.


Principais motivos para um site não aparecer no Google


E quando site simplesmente não aparece no Google? O que tem de errado?


Isso pode acontecer por diversas razões. Confira algumas das principais:


Demora no carregamento da página


Segundo uma pesquisa divulgada pela Kissmetrics, 40% dos visitantes simplesmente desistem de acessar uma página na internet após três segundos de espera.


Se o seu site tiver uma alta taxa de rejeição devido a essa lentidão no carregamento da página, o buscador entende que o conteúdo não é relevante, dando prioridade aos concorrentes que tiveram um tempo maior de retenção do usuário.


Por isso, verifique a velocidade de carregamento do seu site, já que afeta diretamente seu ranqueamento no Google. Algumas ferramentas gratuitas que você pode medir a velocidade são:



Pouco ou nenhum conteúdo relevante


O Google é uma ferramenta que sempre quer proporcionar a melhor experiência para o usuário, então, ele prioriza empresas com um conteúdo relevante e útil para os visitantes.


Por esse motivo, vale a pena investir em uma boa estratégia de marketing de conteúdo para o seu site.


Em geral, existem dois erros nesse ponto:


  1. Falta de conteúdo: o site está vazio ou com poucos materiais, então, não ranqueia para termos importantes relacionados ao seu negócio e, consequentemente, não aparece com frequência.

  2. Conteúdo irrelevante: o material é raso demais ou indiferente para o público-alvo. Nesse caso, o site pode até receber visitas, mas tem um índice de rejeição alto, ficando nos últimos resultados.


Falta de otimização de SEO


O SEO (Search Engine Optimization) é como se fosse a linguagem que o Google lê. Se você não consegue estruturar a sua página de uma forma legível e coerente para o buscador, ele não consegue entregar o conteúdo como um resultado de busca do usuário.


Nesse sentido, é preciso investir em uma estratégia certa de SEO, focando na inclusão de palavras-chave da forma certa.


Sem indexação do site


Se o seu site não estiver indexado no Google, ele realmente não vai aparecer nos resultados.


Para saber se isso está acontecendo, busque no navegador “site:google.com” e substitua o “google.com” pelo domínio de seu site, por exemplo “site:lojacarol.com”. Se não aparecer resultados, significa que não foi rastreado.


Essa é uma parte um pouco mais técnica, mas você resolve facilmente esse problema pela ferramenta do Google Search Console e as sitemap.xml e robots.txt.


Site não responsivo


Considerando que 63% das buscas orgânicas no Google nos EUA são realizadas por dispositivos móveis segundo a Merkle Inc, não ter um site responsivo pode prejudicar bastante seu ranqueamento.


Como o site não se adapta a tela do celular, as páginas ficam com um layout que atrapalha a visualização do usuário, o que faz ele desistir de acessar a página.


E você já sabe: quando uma quantidade expressiva de visitantes não permanecem muito tempo em sua página, o buscador prioriza outras empresas.


Penalização

Se você quer fazer o seu site aparecer no Google, é importante saber que a plataforma tem algumas regrinhas que precisam ser cumpridas para não receber penalidade.


Por exemplo, algumas dessas são referentes a:

  • links ocultos;

  • excesso de palavras-chave;

  • plágio.


Esses são alguns indicativos que a página não possui uma boa credibilidade, o que faz o seu site não ser relevante nos resultados de busca.


7 dicas para aparecer nos primeiros resultados do Google


Aparecer nos primeiros resultados do Google, sobretudo de forma orgânica, é uma grande conquista para um site. Pode dar um pouco de trabalho, mas, sem dúvidas, compensa!


A seguir, trouxemos algumas dicas que vão te ajudar a ranquear melhor no buscador:


1 - Trabalhe bastante o SEO


Basicamente, o SEO é um conjunto de práticas para que uma página consiga um bom posicionamento nas buscas. Se você realizar um bom trabalho nessa parte, é possível que já obtenha resultados melhores — e o melhor: sem gastar nada.


E quais são essas práticas?


Apesar da seleção e uso das palavras-chave não ser 100% responsável por uma boa otimização de SEO, podemos dizer que é 50%.


A palavra-chave é o termo utilizado pelo usuário na pesquisa. Por exemplo, “como pintar a parede do quarto”, “dicas de leitura”, “agência de marketing em São Paulo”.


Portanto, se você souber escolher e aplicar bem essas palavras-chave — e suas relacionadas — nas suas páginas, os resultados já serão melhores.


Para selecionar, é preciso pesquisar quais são os termos mais relevantes para o seu negócio em ferramentas de SEO, como SEMrush ou Ubersuggest. Se você tem uma vinícola, algumas palavras-chave podem ser “vinho”, “vinho tinto”, “vinho seco”, dentre outras.


Para, o termo de busca precisa aparecer nas seguintes partes do texto:

  • Título;

  • Introdução;

  • Alguns subtítulos (h2 e h3);

  • Ao longo do texto;

  • Texto alternativo das imagens;

  • URL;

  • Meta description.


Além do uso das palavras-chave, ainda podemos citar outras práticas, como o uso de links internos e externos (falaremos disso mais adiante).




2 - Produza conteúdos relevantes


A palavra-chave precisa acompanhar um conteúdo relevante para que a estratégia de otimização de SEO realmente funcione.


Como falamos, não adianta muito preencher o site de materiais rasos e irrelevantes para o público-alvo. É preciso criar um bom planejamento de produção de conteúdo.


Para escolher o tema, é importante considerar a intenção de busca do usuário e uma maneira de fazer isso é colocando no lugar dele.


Por exemplo, se eu tenho uma loja de calçados femininos, o que meu público gostaria de saber sobre esse assunto?


Além disso, você pode usar ainda ferramentas de SEO, como o Ubersuggest, para encontrar as palavras-chave e produzir o conteúdo se baseando nisso. Por exemplo, você viu que o termo “sapatilha bico fino” é relevante para seu negócio, um conteúdo interessante seria “Como usar a sapatilha bico fino de forma elegante?”


O Answer The Public é outra ferramenta para ajudar no planejamento de conteúdo. Por lá, é possível encontrar as principais dúvidas do seu público, gerando diversas ideias de conteúdo relevante para seu site.


Ademais, outras dicas que para tornar seu conteúdo mais relevante e levar seu site a aparecer no Google são:

  • Utilize sempre fontes confiáveis em seus artigos;

  • Aplique uma linguagem mais simples e acessível;

  • Coloque dados para embasar o assunto;

  • Prefira parágrafos curtos;

  • Evite termos rebuscados;

  • Invista em exemplos e analogias.


3 - Utilize uma estratégia de links

Em um conteúdo, você pode utilizar tanto links internos (de outras páginas do seu site), quanto links externos (de outros sites).


No caso dos links internos, é possível direcionar a audiência de uma página para outra, aumentando assim o tráfego e a retenção do usuário no site — o que é ótimo para o ranqueamento no Google.


Já os links externos permitem aumentar a relevância da sua empresa.


Pode ser desde uma notícia sobre um assunto até o site de uma ferramenta que você indicou no artigo. Essa também é uma forma de o buscador entender que o seu conteúdo foi bem embasado e melhorar o seu posicionamento nas pesquisas.


Quando você indica outra página, ele também consegue mais autoridade na plataforma porque se entende que aquela é uma fonte confiável.


Então, uma das maneiras de aumentar sua relevância no Google é justamente criando parcerias com outras empresas para que linkem uma página sua dentro do site. Ou seja, faça uma linkagem externa direcionando para seu site.


Ademais, confira algumas dicas para utilizar a estratégia de links de maneira eficiente:

  • É preciso encaixar os links de maneira natural no texto;

  • Verifique a legibilidade da página antes de colocar o link;

  • Não utilize links de seus concorrentes diretos.


4 - Utilize o Search Console


Se você quer fazer seu site aparecer no Google, é preciso acompanhar periodicamente os resultados das suas estratégias.


Nesse sentido, o Google tem uma ferramenta incrível para monitorar sua presença nas pesquisas: o Google Search Console.


Ele tem diversas funcionalidades que podem ajudar:

  • verifica a indexação das páginas;

  • emite alertas sobre problemas no site;

  • mostra seu desempenho;

  • cria relatórios;

  • dentre outras funções.


Com essa ferramenta, você ainda consegue obter informações sobre as melhores palavras-chave e assim melhorar ainda mais sua estratégia de otimização de SEO.


5 - Tenha um bom layout


Queria ou não, a estética e organização do site também é um fator relevante para o ranqueamento.


Caso suas páginas estejam ilegíveis, sem contraste, com uma fonte difícil de ler ou qualquer outro problema que afete o acesso ao conteúdo, a sua taxa de rejeição sempre estará alta.


Por isso, vale a pena investir em um bom layout para o site.


Como falamos antes, outro ponto importante sobre essa parte é a responsividade das páginas. É importante que o conteúdo se adapte bem em qualquer dispositivo.


6- Invista em links patrocinados


Caso você esteja com pressa para seu site aparecer no Google, investir em links patrocinados é a maneira mais rápida para conseguir isso.


Com os anúncios pagos, seu conteúdo fica em evidência logo na primeira página, trazendo uma boa quantidade de tráfego — e possíveis clientes — para seu site.


No entanto, não basta somente colocar dinheiro no Google Ads para conseguir resultados realmente efetivos com o tráfego pago. É preciso uma boa administração de recursos e segmentar bem para o público-alvo correto.


7- Cadastre-se no Google Meu Negócio


O Google Meu Negócio é uma excelente plataforma para quem quer ver o site aparecer nos resultados de pesquisa.


Nessa ferramenta, você pode cadastrar as informações da sua empresa, como endereço, horários de funcionamento, dados de contato, fotos da empresa, dentre outras.


Além disso, ainda é permitido que os clientes avaliem sua empresa, dando mais credibilidade para sua empresa.

Assim, quando um cliente pesquisar “escritório de advocacia em Santa Mônica” por exemplo, sua empresa pode aparecer logo no início dos resultados e o cliente pode entrar em contato diretamente com você.


 

Se quiser ajuda para fazer seu site aparecer no Google, a PWR Marketing Digital é uma agência de marketing digital que oferece todos os serviços necessários para melhorar seus resultados nas pesquisas e trazer mais clientes para sua empresa.


Ajudamos nossos clientes a faturarem mais de 35 milhões de reais em vendas nos últimos 12 meses.


A PWR está entre as melhores empresas marketing digital do país, temos escritórios em São Paulo (Alphaville), Ribeirão Preto e Portugal. Fale com um de nossos especialistas e entenda mais sobre o nosso trabalho!


Caso queira, você pode conferir alguns desses cases de sucesso na nossa página.





28 visualizações0 comentário